Capítulo 3


- Boa tarde, moça. - disse quando vi Joseph se remexer na cama, enquanto eu secava os cabelos.
- Que horas são? Sabia que essa coisa faz muito barulho? - Ele grunhiu, referindo-se ao secador. Eu ri.
- Já está de tarde. Melhor tomar banho. 
Ele murmurou algumas coisas ainda agarrado ao travesseiro, mas levantou somente de boxer se espreguiçando. Andou, ou melhor, se arrastou até o armário ainda de olhos fechados.
- Você está parecendo um zumbi. - ri e lhe dei um selinho, guardando o secador e a escova. - Vou fazer algo pra gente comer.
Eu até pretendia cozinhar, mas esqueci de ir ao mercado essa semana. Por isso minha geladeira estava precária. Pedi lasanha e chegou bem rápido, foi o tempo de Joseph tomar banho.
Nós comemos, e ele parecia ainda estar dormindo. Desde que eu conheço Joseph, é assim, essa lerdeza para acordar.

- O que está fazendo? - Joseph perguntou, entrando no quarto. Sentou ao meu lado na cama e me deu um beijo na bochecha.
- Vestido de noivas para Lisa, aquela minha amiga. - respondi, me acomodando em seu peito com a revista em mãos. - É aquela que vai casar, lembra? Me pediu opinião sobre os vestidos dessa revista. 
Fui passando as páginas e Joseph acompanhando comigo. 
- No dia do nosso, quero você usando esse. Vai ficar maravilhosa! - ele disse, apontando para um modelo tomara que caia, branco puríssimo com algumas rendas e brilhos. Sim, meu namorado tem muito bom gosto.
- Sem chances, amor. O noivo não pode ver o vestido da noiva. - respondi, fazendo-o revirar os olhos.
- De qualquer jeito vou vê-lo mesmo. - Ele fez um bico de criança birrenta. Ah droga, vou mordê-lo todinho.
- Vestido é o de menos.Quando meu pai e meu irmão souberem de você, vão querer te matar - ri e ele fez uma careta.
- Não sei o por que, sou um anjo.
- Anjo? - Eu o olhei de rabo de olho, debochando, enquanto colocava a revista sobre a cabeceira.
- Sim. - Joseph me puxou pela cintura, me abraçando. - Eu sempre conquistei todos os meus sogros...o senhor Lovato vai me adorar.
- Tem minha mãe para ajudar nisso. Ela sempre arruma um jeito. Menos no meu último namoro, já que meu pai nos pegou no flagra e nunca mais vi Ricky - ri me lembrando do escândalo que meu pai fez. Até eu fiquei com medo dele aquele dia.
- Ricky é um gay. Ele devia ter enfrentado seu pai.
- Mas ele não era machão que nem você. - debochei, me desfazendo de seus braços e sentei em seu colo - Melhor, ele não era o meu gostoso. - sussurrei em seu ouvido e comecei a mordê-lo, do jeito que eu queria desde que sentou ao meu lado.
- Espero que não tenha mostrado esse seu lado para o Ricky - murmurou enciumado. 
- Não, ele é exclusivo seu. Aliás, foi você que me perverteu, eu era um anjo.
- Era. - ele riu debochado e me beijou. O beijo era calmo e lento, não havia pressa. Estávamos nos curtindo. Eu adorava quando ele me beijava assim. Joseph virou, ficando por cima de mim. Nunca me cansaria de tê-lo comigo. Por onde suas mãos passavam, me fazia um carinho gostoso. Eu acariciava sua nuca e despenteava seus cabelos. Ficamos assim por um tempo.
Ouvimos o toque do celular. É claro, sempre tem algo para atrapalhar. Joseph não pareceu se importar e quem sou eu para parar? Mas aquela coisa irritante não parava de tocar. Ele rolou para seu lado na cama, bufando. Levantei, indo até a cômoda pegar o celular e me joguei de volta na cama.
- Alô?
- Demi ? - Apesar da falação, consegui reconhecer a voz da pessoa.
- Oi, Mikey. - Joseph murmurou “"infeliz" “ do meu lado e eu ri.
- Onde vocês estão?Espero que estejam a caminho.
- A caminho da onde? - perguntei. Falar com Mikey era quase um enigma, você não entendia nada.
- Eu não acredito! Vocês esqueceram a festa surpresa do Max? - Ele disse exasperado, e eu fiz uma careta. Droga! Eu tinha mesmo esquecido.
- Claro que não! Estamos chegando, beijo. - Desliguei o celular e Joseph me olhava curioso, mas sua expressão logo mudou com a frase seguinte. - Festa surpresa do Max. 
Sabe quando nada fica bom em você? Eu já tinha experimentado metade do meu armário e nada ficava legal. Ainda estava atrasada;
- Demi, você já vestiu todo esse armário. Não é possível que não tenha gostado de nada. - Joseph já estava arrumado, deitado em minha cama e mexendo em meu notebook. Que certa inveja, ele só colocou um tênis, uma calça jeans e já estava pronto.
- Não. Isso que dar eu ir ao shopping com Selena e comer como um elefante. - choraminguei e ele riu de mim. Joguei duas blusas nele. - Você não está ajudando!
Joseph agarrou as duas blusas, ainda rindo e colocando na cama. Afastou o notebook, sentando. Me puxou para o seu colo.
- É sério, amor. Você vai ficar linda até com uma bermuda minha. 

- Pronto! Consegui! - me olhei no espelho do banheiro. Ouvi Joseph resmungar alguma coisa; ele já estava estressado com a demora. Saí do banheiro, dando uma voltinha, em frente a Joseph. - Como estou?
- Perfeita! - sorriu e me deu um selinho. Quem não gosta de mimos?
A festa seria na casa de Max mesmo, mas ele nem desconfiou de nada, já que o plano foi mandar uma garota mantê-lo ocupado. 
Quando chegamos, a música estava alta e já havia várias pessoas. Pelo nosso atraso, o aniversariante já tinha chegado. Era uma festa só para os íntimos, mas os penetras estavam à solta. Procuramos com muita dificuldade o pessoal, mas só achamos Josh e Clair sentados em um canto. Nos juntamos a eles e Selena e Mikey logo trataram de aparecer. Claro que ele reclamou por nós termos esquecido.
- A festa não era só para os íntimos, Mikey? - perguntei, observando um grupo estranho que passou perto de nós. Ele suspirou.
- Falou certo, era. Foi impossível controlar, foi aparecendo mais e mais gente. Max disse que tudo bem. 
- Ele é louco! - Josh comentou, arqueando uma sobrancelha. Eu concordava. Colocar tanta gente estranha em sua própria casa não era nada seguro.
- Lucas já chegou ? - perguntei. Essa semana não encontrei com ele direito, estava com saudades daquele loiro machista. - Ligo pra ele, mas só cai na caixa postal.
- Ele já deve estar chegando. - Selena respondeu e voltou sua atenção para Mikey. 

Eu e Joseph estávamos dançando e comentando sobre as pessoas bizarras da festa. Tinha cada gente sem noção. Max estava sumido, já devia estar com várias garotas fazendo coisas que nem quero saber.
Joseph ficou sério, parecia irritado. O puxei para o bar, afim de saber o que estava acontecendo. Ele se sentou e fiquei em pé na sua frente.
- O que houve, Joseph? - perguntei, levando minha mão ao seu rosto e acariciando.
- Se aquele cara continuar te secando desse jeito, eu vou socar a cara dele. - Automaticamente olhei para trás encontrando o olhar de um cara de blusa amarela. Eu já havia percebido que ele me fitava quando estava na pista de dança. Tratei de tentar acalmar Joseph, o rapaz de camisa amarela estava rodeado de outros estranhos. Detesto briga. A última vez que Joseph brigou com um garoto eu fiquei super nervosa. Ele tinha passado a mão em mim e Joseph não pensou duas vezes. A sorte foi que Mikey estava por perto.
- Relaxa, amor. Ele está bêbado. E se fosse assim, eu já estaria estapeando aquela loira siliconada que está se insinuando pra você. - respondi, fazendo-o rir. Era verdade.
- Você é minha, garota. Só minha. - disse de uma forma tão sexy e possessiva. Eu era dele, necessitava dele. Joseph me puxou pelo quadril, me beijando fervorosamente. Eu estava viciada no seu beijo, no seu gosto, no seu abraço, no seu cheiro, na forma como suas mãos passeavam pelo meu corpo e incendiavam cada pedaço. O puxei mais para mim, enquanto seus lábios faziam uma trilha de beijos por todo o meu pescoço. Nós ficamos ali por um tempo e voltamos para a mesa com nossos amigos.
- Ele está na casa dos pais. - Selena me disse, enquanto colocava o celular de volta na bolsa. Então aquele loiro machista me deixou toda preocupada por nada? Estava recebendo mimos da mamãe? Segunda ele apanharia. Até que Selena e Mikey hoje estavam light. Não se agarraram, não que eu tenha visto. Josh depois que arrumou uma namorada, agora fica só com ela o tempo todo. Como se eu também não ficasse com Joseph. O papo estava divertido na mesa, Mikey e Joseph juntos era uma comédia. Tudo bem que só saia besteira, mas não deixava de ser engraçado.
- Ashley! - Todos nós viramos nossa atenção para Selena que agora abraçava a garota. Logo reconheci, era uma amiga de Celine, da faculdade.
- Demi, Selena! - ela disse sorrindo, e retribui, indo abraçá-la. - Como estão?
- Bem e você?.
- Meninos! Quanto tempo! - Ela exclamou animada. Pelo visto ela os conhecia. - Posso me sentar com vocês? - Os meninos não responderam, mas Selena assentiu.
- Vocês a conhecem? - Selena perguntou para eles, que estavam...estranhos.
- É claro que sim! E muito bem - Ashley sorriu exagerada, e tinha o tom de malícia na voz. - Mikey, Josh e...Joseph. Como vocês estão?
- Ótimo! - Joseph respondeu e os outros dois murmuraram "bem". Ok, aquilo estava muito tenso e não era só eu que estava achando. Do jeito que Sel me olhou, também estava achando muito estranho.
- Pelo visto estão sossegando...Josh namorando, Mikey de rolo com Selena e Joseph, bem, ouvi dizer que está namorando. Mas eu não acreditei, afinal, você sabe que eu não acredito em tudo que as pessoas falam. Diferente de você. - Ashley disse ficando séria de repente, e Joseph riu. O que estava acontecendo?
- Então...por que a gente não vai dançar? - Mikey perguntou, rindo sem graça e Josh reforçou já levantando com a namorada.
- Se vocês quiserem, podem ir, hoje eu vou ter uma conversinha com ele. - Levantou-se decidida e apontou para Joseph - Daquela vez você não quis ouvir o meu lado da história, mas agora você vai.
- Você está bêbada, Ashley! Pare com isso. - Mikey a segurou pelo braço, mas ela se soltou com violência.
- E você espera que eu fique ouvindo besteiras de vadia? - Joseph respondeu, colocando o copo sobre a mesa. Eu e Selena arregalamos os olhos assustadas. Vadia? 
- Ah, eu sou uma vadia? Mas você gostava da vadia aqui, né? Só porque arrumou uma qualquer para me substituir já fala assim? Cadê? Cadê a vadia que você chama de namorada? - Ela colocou os braços sobre a cintura, como se esperasse alguém para encarar. E do que ela estava falando? - Querido, você nunca vai achar uma namorada melhor que eu. - riu debochada. Joseph já namorou com Ashley?
- Vocês já namoraram? - Selena tirou as palavras da minha boca, perguntando confusa.
- Sim, Selena, há um tempo atrás. - Ela afirmou. Joseph nunca tinha me dito ter namorado Ashley, e ela ainda me xingou - Então Joseph, cadê a vadia que você chama de namorada ?
- Cale a boca para falar da minha namorada, a única vadia aqui é você - Joseph cuspiu as palavras e eu podia ver seus olhos transbordando de raiva.
- A namorada dele está na sua frente, então se eu fosse você, pararia de xingá-la - Josh respondeu e ela olhou para mim.
- Demi? - Ashley perguntou confusa.
- Bom, sou eu, e agradeceria se você parasse de me xingar.
- Duvido que ela seja melhor que eu. - Ela riu e ainda me olhou de cima a baixo. Espera aí, ela era minha amiga a minutos atrás. Arqueei a sobrancelha devido a ousadia dela.
- Desculpa, Ashley, mas ela é. E agora você vai sair daqui, porque eu não me lembro de ter te convidado para a festa. - Mikey a pegou pelo braço, arrastando para bem longe da nossa mesa.
- O que foi isso? Eu pensei que ela fosse nossa amiga. - Selena me disse. Essa garota lia pensamentos.
- Cara, você tinha merda na cabeça quando pediu essa garota em namoro, né? Só pode! - Josh comentou, sentando-se novamente com a namorada.
- Devia ser algo bem pior que merda...vou pegar uma bebida. - Ele respondeu, levantando-se. Fui atrás.
Desde da cena que aconteceu há alguns minutos atrás, Joseph estava super irritado. Ainda mais quando viu que Ashley não tinha ido embora e estava na pista de dança. Eu até perguntei o porquê daquela raiva toda e o que ela tinha feito; como se ele fosse responder. Vê-lo incomodado com a presença dela se agarrando com outro cara estava me irritando. Eu até tentava conversar sobre outro assunto,  mas ele voltava falando em "como ela era um vadia".
- Cansei Joseph! Você só sabe falar da Ashley! - disse irritada.
- Eu só comentei que ela era uma vadia.
- Você já comentou isso várias vezes. Toda frase que você termina, você fala dela. O que foi? Está com ciúmes?
- Ciúmes?! Você acha mesmo que eu ia estar com ciúmes? Tudo o que eu sinto é deprezo.
- Pois não parece, já que você está todo incomodado porque ela está se agarrando com outro. - reclamei e ele respirou fundo.
- Demi, esquece isso. Ela só me irritou te xingando, foi só isso. Nosso namoro aconteceu há quase 4 anos atrás e não durou nem 2 meses. - Ele respondeu, mas eu não estava nada contente.
- Não é o que parece. O que foi? Ela apareceu e você ficou com saudades?
- Não viaja, Demi. Eu não sinto nada por ela.Já disse que só fiquei irritado.Você não acredita em mim? Acha que estou namorando três anos com você gostando de outra? - Ele quase gritou. Se ele estava irritadinho a culpa não era minha.
- É você que está dizendo, não eu. E não venha querer jogar a culpa para cima de mim não, porque você que está todo irritado.
- Eu? É você que está fazendo escândalo e brigando comigo por nada.
- Então sou eu a errada que está dando show à toa? Isso pra mim tem outro nome. - Ele se levantou e saiu andando. Aquilo já era o cúmulo. - Ainda vai me deixar falando sozinha?
- Quando você estiver calma a gente conversa.
- Eu não quero conversar sobre droga nenhuma com você!- respondi, pegando minha bolsa e empurrei as pessoas que estavam na minha frente, em busca da saída.
- Ei, aonde você vai ? - Ele gritou um pouco atrás de mim.

-------------------------------------------------------------------------------------

- Droga! - Joseph exclamou irritado, sentando-se, e sem querer derrubou algumas coisas da mesa.
- O que aconteceu, cara? Demi puxou Selena para levá-la para casa. - Mikey chegou, puxando a cadeira e sentando-se ao lado do amigo.
- Nós brigamos por causa da vadia da Ashley. - ele bufou - Ela veio com um papo sem noção de que eu estava com ciúmes.
- Claro, do jeito que você fica furioso quando Ashley se aproxima.  Mas você contou a ela o motivo desse seu ódio todo? - Mikey perguntou, bebendo o líquido roxo, do qual nem sabia de que se tratava.
- Claro que não! Se eu contasse o motivo eu teria que contar toda a verdade.
- Você ainda não contou a verdade pra ela? Porra, Joseph! Você está escondendo isso há três anos. - O amigo o repreendeu, exaltado.
- Não dá, não dá, cara! Você ouviu aquele dia ela dizendo que odeia mentira. E quantas vezes eu já tentei contar? Inúmeras. Eu não consigo, ela sempre vem com um papo que me deixa com medo. Acabaria tudo se eu contasse. - Joseph respondeu, passando as mãos pelo o cabelo, mais irritado ainda.
- Ok. Relaxa.Vai dar tudo certo. - Mikey tentou confortar o amigo, apertando sua mão, lhe passando confiança a Joseph. Aquele aperto de mão era tudo que Joseph precisava.
Como se adivinhasse que Joseph ia atrás de Demetria, Selena o ligou, mandando ele não fazer isso. A garota estava irritada demais para ter algum tipo de conversa. Quase expulsou a melhor amiga do apartamento. Mesmo relutando contra a vontade, Joseph não foi para o apartamento da garota e seguiu chateado para o seu. Ele odiava brigar com ela. Ela odiava brigar com ele.


                                                                 Continua

Olá, meninas. Deixei logo dois capítulos para compensar o meu atraso. Espero que vocês gostem, e me digam o que estão achando nos comentários. 
Sorry, I love you não é uma fic aonde Jemi estão se conhecendo, ou que se descobrem apaixonados. Eles já são namorados e há três anos. Tudo começa um mar de rosas, como vocês estão percebendo, mas depois têm um esquenta. Não 'esquenta' no sentido de hot, também, mas esquenta no sentido de briga, separação e descobertas. Ah, essa briga do capítulo acima não vai dar em nada, ok? Não é agora que começa o esquenta. A vaca da Ashley não têm todo esse poder de acabar com um relacionamento de três anos. E como leram, Joseph está escondendo alguma coisa da Demi. Bom, enquanto a verdade não é dita, vamos aproveitar a diversão do casal. 
Ah, lembrando que o nosso querido/amado/lindo Nick, só aparece um pouco depois. E a Miley também. Por enquanto a Selena se diverte com o Mikey.  selena_gatinhasafadapegotodos  KK
Beijos!


Comentários

  1. Aaaaaaaaaaaaah eu adorei!!! Ta muito perfeita, my Gosh está muito perfeita mesmo e estou muitoo curiosa para saber oq o senhor Joseph está escondendo da Demi. Postaa logo hein rs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Rafaely! Como vai? Então adoro um bom apelido, prefere que eu te chame de Rafa ou Chris? Ou outro? haha
      AW, obrigada por estar presente e comentando!
      Mais uma curiosa? Êta, sinto que vou apanhar se continuar deixando vocês assim, haha. Mas logo logo vocês ficam sabendo do que o Jonas está escondendo, pode deixar!
      Espero que goste dos dois capítulos, beijão, linda!

      Excluir
  2. AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH...
    Super Perfeitoo..
    Hum..
    Joseph e seus segredos...
    To louca pra ler mais..
    #PostaLogoo

    Beijinhoos
    <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Mari! Bom te ver aqui <3
      Awn, obrigada! Continua a mesma fofa!
      Fico muito feliz que esteja gostando e curiosa, haha.
      Beijosss <3

      Excluir
  3. Hey beautiful girl! <3

    Joe guardando segredo da Demi, e ainda por cima segredo que envolve a Ashley... Não gostei disso não Senhor Jonas '-' A fic esta ótima, e graças aos céus que agora eu entendi o capitulo 1 \õ/
    Luna, eu estava pensando aqui e tive uma ideia que não sei se você vai gostar, porem tenho que tentar: Amor Amor foi a sua primeira fic, e tipo eu amo muuuito ela, e eu pensei se você concordaria em fazer tipo um epilogo para ela, contando o que aconteceu com todos os personagens. Eu sei que você não gosto muito de Amor Amor u_u KKKKKK

    HEART ATTACK E DIVA DEMAIS CARA!!! Demi pintou o cabelo de preto novamente, todos pulam/dançam \Õ/ Puff, porque você se mudou de São Paulo?! Isso e bullying comigo -.- Tomara que você consiga ingressos para São Paulo, sabe tsc tsc KKKKKKK Torcendo por você! #dedos #cruzados

    Lu, to em uma época de depressão :'( (pois é KKK) Só ando ouvindo musicas tristes, é não, não estou apaixonada u_u GLORIA! Vou te passar as que estou mais viciada, e vou dar uma olhada no celular para te mandar umas agitadas bem legais *-*

    1° Howie Day - Collide, 2° The Red Jumpsuit Apparatus - Your Guardian Angel (eu amo e morro de ciumes dessa musica, considere-se muito importante u_u), 3° Joel & Luke - Love's To Blame, 4° Thirty Seconds to Mars - Hurricane, 5° The Verve - Bitter Sweet Symphony, 6° The Cab - Bad é 7° Jake Bugg - Two Fingers.

    Espero que goste das musicas :D Beijos no seu popozão Luna!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Okay, lembrei dessa aqui e você provavelmente vai gostar -> Muse - Undisclosed Desires.

      Agora sim, amo muito tudo isso KKKKK Kiss kiss.

      Excluir
    2. Hola, chica hermosa! KKK

      Consegui deixar todas curiosas com o bendito segredo, haha. Escondendo há três anos da Demi, coitadinha. Mas talvez nem seja TÃO brabo assim, ou talvez seja. Não me bate, K.
      Sério, você é demais! Consegue amar a minha primeira fic. <3
      Nem é que eu não goste dela, mas é que tornou-se chatinha para mim depois, deu bloqueio, :c. Mas adorei a ideia, sempre adoro, haha.
      Claro que faço! Seu pedido é uma ordem, querida! Espero que minha criatividade me ajude, pois de vez em quando...só Deus. Mas você tem alguma ideia para me dar? Alguma luz? Saiba que seria muito bem vinda! haha

      Nem fala, eu quase tive um Heart Attack mesmo! VOCÊ VIU? Meus olhinhos estão brilhando ao vê-la de cabelo preto novamente! Está linda, cara. LINDAAAAAAAAAAA! Pena que ela e o Joseph não encontram há um tempão para ela mostrar essa beleza para ele, :c
      Apoio a Demi cantar Baba Baby da Kelly Key em uma versão para o Joe -QQQ

      Lê, como sempre, sortuda que sou, não ganhei nada, nenhuma. Que ódio que fiquei! Mas eu sei que você aproveitou por mim, eu sinto, haha.
      Época de depressão? Eita, então não pode deixar de ouvir Lana, né? Amiga, AMO. Gosto muito das músicas dela. Ouve Summertime Sadness quando quiser ficar mais depressiva -qq
      Mentira, gosto de você A-L-E-G-R-E e saltitando (dançando) com Spice Girls. haha

      Tipo, AMEI as músicas! A do Muse então...ah, e obrigada por compartilhar sua música que você morre de ciúmes, adorei. Somos duas agora. Sou muito importante mesmo, acho bom! haha
      Quero mais músicas, pode começando o trabalho. Ah, e me conta sobre o show é claro, T.T

      haha, beijos <3

      Excluir
  4. Fic perfeita!
    Não tô gostando desse segredo do Joseph que envolve a Ashley.. Não vai prestar...
    Postaaa logooo pleaseee

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, DemiZ, como vai? Obrigada por comentar!
      AW, obrigada mesmo. Fico meio insegura por estar no começo da fic, e isso me incentiva mais ainda. <3
      KKK, pelo visto ninguém está gostando do segredo. Mas pode deixar que ele não envolve muito a Ashley, só parte dele.
      Êta, mas confundi tudo mesmo, não é? Prometo não demorar.
      Beijinhos!

      Excluir
  5. Ai meu deus vou morrer aqui de ansiedade,que segredo é esse?? aaaaaaa
    Posta logo PLMDDS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Paulinha, seja bem vinda!
      Vou confessar, adoro esse apelido, haha. E digamos que o sobrenome mais ainda. Medeiros me lembra um tal garoto gato demaisss.
      Não morra! Não antes de saber o segredo, haha. <3
      Beijos!

      Excluir
  6. Ta lindo, posta logo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, gata! Cadê o nome/nick/apelido no final para eu saber? :c
      Fico muito feliz de saber que você está gostando, muito mesmo. Insegurança no começo até o término da fic. Fato.
      Obrigada por comentar <3
      Beijão, viu?

      Excluir
  7. Estou adorando, mas posta logo pq as vezes é meio ruim de lembrar como parou ou até mesmo o nome do blog se demorar muito, não vai ser o meu caso, pode ter certeza, mas só estou avisando :) enfim, eu amei sua fic em 3 capitulos, preciso de maaaaaaais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, flor! Se for comentar de novo, deixa seu nome/nick/apelido no final para mim, se puder e se quiser, ok? :3
      Aw, transbordo de felicidade ao saber que estão gostando <3
      Como disse acima, insegurança rola solta aqui.
      Sim, obrigada pelo toque! Vou tentar postar sem demora, é chato se perder.
      Haha, fico feliz de não ser o seu caso. Sério, obrigada pelo o aviso, afinal, é sempre bom.
      AW, muito fofa! Obrigada mais uma vez! *-*
      Espero que goste, beijosss

      Excluir

Postar um comentário

O espaço é todo seu.

Postagens mais visitadas